quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Comportamento

Manual de diplomacia pro Natal

Natal em família exige muita diplomacia para ser uma "noite feliz" de verdade. Por isso, é hora de consultar nosso manual de etiqueta com dicas de Glória Kalil.
É primo que você não vê há um tempão, sogra que você só encontra no Natal, cunhado com quem você nunca conversa direito... Natal em família exige muita diplomacia para ser uma "noite feliz" de verdade. Por isso, é hora de consultar nosso manual de etiqueta.
Para Glória Kalil, consultora de moda, festa de família é um motivo de grande alegria, mas também, de tensões. “A gente vai encontrar pessoas que não vimos o ano todo, que da última vez provavelmente foi no último Natal. De modo que a gente tem sim que se preparar um pouco e tentar fazer de tudo para que a coisa corra bem, pois vai ter gente de todas as idades”, explica. “Por isso todo mundo deve entrar na festa com a seguinte idéia: é Natal, dia de harmonia, vamos fazer o melhor!”, diz a consultora. O Natal na casa do empresário Alexandre Tadeu promete ser animado. Serão mais de 30 convidados, todos da família.e Alexandre está preocupado em cometer alguma indelicadeza. “Todos convidados que vierem, sou obrigado a dar presente para eles? Ou se alguém chegar com presente para mim , mas eu não tiver para retribuí-lo, como é que faço?”, pergunta. Glória Kalil ensina: “Tem gente que se junta e faz assim: presente só para crianças, ou presente só de padrinho para afilhado, ou homem só dá para homem, ou mulher só dá para mulher, ou ninguém dá presente para ninguém. É uma questão de combinar antes”, revela. E se a combinação for fazer um "amigo oculto"? Amigo oculto em família, às vezes, dá problema. É que na tentativa de ser engraçadinho, alguns acabam se tornando inconvenientes... Você sabe se comportar quando ganha um presente que não tem nada a ver com você? “A pessoa pode dizer: “Eu te dei um tamanho qualquer para você trocar pelo que quiser”. Leve por esse lado que é muito mais simpático”, fala Glória. Já a internauta Aline Santos, de Ituberá, na Bahia, quer saber: "Vou passar o Natal na casa de meu noivo e toda a família estará lá: mãe, pai, tios e primos. Tenho que levar presente pra todos?". De acordo com Glória Kalil, a primeira coisa que se faz em caso de dúvida é telefonar para a dona da festa e perguntar como é que eles costumam fazer. Eles dão presentes para todo mundo? Só para as crianças? Pergunte como funciona e aja de acordo”, alerta. E será que é deselegante fazer uma oração a meia-noite, já que nem todas as pessoas são da mesma religião? “Quem quiser deve orar sim! Leve a sua turma para um canto mais reservado, porque nem todo mundo é obrigado a orar. Quem quiser pode rezar sossegado e depois voltar para o convívio dos outros”, recomenda Glória Kalil. E se tem duas pessoas brigadas na família, o correto é convidar as duas para a ceia de Natal ou excluir ambas? Essa é a dúvida de Fabiano Bassul, procurador da Fazenda Nacional. “Você pode convidar e deve. Mas tem que avisar aos dois da presença do outro. Daí a pessoa escolhe se deve ir ou não”, aconselha Glória. E cuidado com os assuntos! Noite de Natal é para "reunir" e não "desunir" a família.
Outra cena comum é a do bêbado chato. Como lidar com essa situação? “Começou a ficar inconveniente? Leva embora!”, diz categórica. Para finalizar, a comerciante Mônica Goulart de Carvalho pergunta: na noite de Natal, será que fica chato se vestir toda de preto? “Eu acho que cores leves, alegres, claras, estampados são melhores. Deixe o preto para todas as outras horas da nossa vida”, comenta Glória kalil..


Essas dicas são de extrema importância!!!!
Espero que todas vocês tenham gostado...
bjs

10 comentários:

Amábile - Mãe de dois disse...

adorei as dicas pra evitar confusão nosso amigo secreto é sempre de livro , todo mundo curte e é dificil fazer brincadeirinha cahta com isso
bj

Claudia Pimenta disse...

oi lulubeka! é, o natal é uma data linda, mas podem surgir desencontros mesmo... nesta hora, melhor manter a calma! e com os presentes? bom senso sempre! qdo escolho um presente, penso em quem vai recebê-lo... isso só fica complicado qdo não conhecemos mt bem a quem vamos presentear - aconteceu isso qdo pensei o que levar p/minha amiga além-mar, no encontro que marcamos. como acertar? basta presentear com o coração! bjs!!!

disse...

Hihihihi aqui na minha family o Natal é bem legal! (adoooro!) e os primos, primas(que são mtos!!) , tios, a parentada toda eu vejo o ano inteiro...rsrs
somos muito unidos (meus amigos meeeeesmo..são meus primos e primas!) passamos por tudo juntos... infância, baladinhas da adolecência, casamentos, e agora filhos...sempre juntos!
Então os nossos Natais são como todos os almoços de domingo, cheio de gente em volta da mesa, comendo, bebendo rindo, "discutindo", como uma boa família italiana!
rsrs
Bjocas querida, e muito obrigada pelo carinho de sempre!
=D

Viviany disse...

O Natal é aqui em casa e o Ano Novo , na casa da minha mãe !!! Procuro deixar o ambiente o mais aconchegante possível ... No nosso Natal , impera a paz e a alegria de estarmos todos juntos ... Amo essas datas !!!
Bjuss querida Lulu *

Chris disse...

Legal esse post hein! realmente muitas alternativas boas, sempre temos duvidas como essa ne?
Na minha casa nao e familia grande e quando juntava era o pessoal que eu ja estava acostumada, ninguem diferente, mas realmente situacoes dessas e necessario cautela e bom senso!

bjuss

Nela disse...

Querida Lulu, obrigada pelo seu sempre muito carinhoso comentário, e mais uma vez, postou uma coisinha muito útil, por acaso não é o meu caso, eu já conheço bem todo mundo, e já há dois anos que não riuno tanta gente como era habitual, embora para mim, como signo do Leão que sou, tal como o seu eu faço a 8 de Agosto e a Lulu?nós adoramos receber, e principalmente a família, temos muito calor e amor para dar, e estes momentos para nós são fantásticos e verdadeiros, porque também adoramos receber, e dar presentes.Mas geralmente o Natal é sempre passado em minha casa sabe meu pai fazia anos no dia de Natal, então foi um hábito, toda a gente ia a casa de meus pais, e eu ajudava a minha mãe, depois começou a ser na minha, mas há 2 anos me faleceu meu irmão mais velho com 54 anos, e desde aí, familia dele mulher filhos e netos que minha sobrinha teve gémeos, se reunem em casa da mãe de minha cunhada,e o mais novo, visto eu ser a do meio, continua a vir, mas divide o tempo pq, meu sobrinho já tem a casa dele, e tb, vão para lá, mas vem muita família ainda, mas não é o mesmo...já sei o gosto de todos, mesmo os de fora que gosto de oferecer lembrança, já sei o que gostam, e se não sei pergunto, a irmã ou mãe,mas teve óptima ideia, realmente já me aconteceu me darem coisas que nunca usei.Querida beijinhos gosto muito de si fique bem.

Juliana! disse...

Oiiii! Que maravilha sua visitinha lá no meu cantinho!
Adorei seu blog também, e essa dica aí de como se portar no Natal é valiosa!
Bjs

Luciana Kotaka disse...

Olá Lulubeka, obrigada pela visita. Espero que tenha apreciado o Blog e que as postagens possam te auxiliar de alguma forma.
Um beijo grande e uma ótima sexta

Luciana Kotaka disse...

Esqueci de falar das suas dicas, são muito legais, pois sempre temos dúvidas que surgem no último momento e aí...fazemos o que dá na hora.
beijos

lulubeka disse...

Minhas lindas
Somente a título de curiosidade, o meu natal sempre foi alegre,harmoniosoa e festivo, sempre organizamos um amigo secreto bem divertido,e nesse dia nos encontramos com todas as pessoas queridas, que amamos e nem sempre podemos estar por perto.
Eu moro a mais de 10 anos em curitiba , mais sou paulistana, e o natal pra nós é realmente uma alegria, um momento único, e esperado com ansiedade e carinho.
Porém sabemos que infelizmente nem todas as famílias são iguais, por isso acho que essas dicas são realmente valiosas.
Fiquem com Deus!!!
Harmoia é essencial para vida!!!
Bjs em cada uma.